Previna as Lombalgias

Dores nas costas – Conheça seu corpo e saiba como prevenir as lombalgias

lombalgia

Os problemas na coluna vertebral têm uma alta incidência na população. Alguns estudos demonstraram que 60-80% da população adulta tem ou teve um período incapacitante na vida gerado por problema na coluna vertebral, em especial da coluna lombar. Outros estudos científicos revelam que a partir dos 18 anos já encontramos processos de alteração ou degeneração de algumas articulações e, com 50 anos, todos os discos da região lombar estão alterados.

A região lombar é um segmento da coluna muito móvel e mais sujeito ao desgaste e efeitos da postura inadequada. É também a região de maior sobrecarga. Todos esses fatores podem gerar dor.

A dor nas costas pode ser causada por tensão muscular, trauma, deformidade ou, ainda, por doenças degenerativas e doenças sistêmicas. Pode ocorrer em qualquer lugar, desde o pescoço até o final das costas, em uma área pequena ou irradiada em área extensa.

Quando a dor é na região lombar, é chamada de lombalgia. A lombalgia é benigna e, na maioria das vezes, tem recuperação espontânea: 70% das pessoas se recuperam dentro de um mês. Esse tipo de dor pode estar presente em qualquer faixa etária, sendo mais comum na pessoa idosa.

  • Principais Fatores de risco:

Trabalho com posturas estáticas ou forçadas, a obesidade, o sedentarismo, as situações de estresse, movimentos repetitivos de elevação e sustentação de pesos, entre outros.

  • Diagnóstico

Inicialmente, deve-se avaliar a causa por meio de exame clínico cuidadoso.

  • Tratamento

O objetivo inicial é diminuir a dor, e o repouso é fundamental na fase aguda. Os analgésicos, antiinflamatórios e relaxantes musculares contribuem bastante. Na dor persistente, é necessária a investigação por um especialista.

Reabilitação por procedimentos fisioterápicos e/ou exercícios de correção postural, alongamentos e de reforço de musculatura também podem ser indicados.

Algumas vezes o tratamento cirúrgico pode ser indicado, porém é a exceção, merecendo uma abordagem técnica consensual.

  • Medidas Preventivas

Realizar exercícios regulares, eles podem corrigir desequilíbrios, aumentar a flexibilidade e prevenir lesões. Evite os fatores de risco citados e escolha o que gosta de fazer!

Algumas Orientações posturais devem ser seguidas para quem trabalha sentado, para apanhar objetos e na hora de dormir, evitando sobrecarga na musculatura da região lombar.
Hoje vivemos mais e para vivermos sem dor, precisamos conhecer nosso corpo e adotar medidas preventivas principalmente a prática de atividades físicas.

Fonte: http://www.unimedpaulistana.com.br/medicina_preventiva/dicas_saude_dores_costas.asp

Newsletter

Cadastre-se para receber nossas novidades

Nossas Marcas

  • hgenerica
  • hunicom
  • hdrounicom
  • hhospitalia
  • hfisium